Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Citação do dia

DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS 2020

DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS 2020

CONVITE À PARTICIPAÇÃO -

4cdeedd329e92c0c745ec4743d843d2f.jpg

 

 

DIA INTERNACIONAL DOS MUSEUS, celebrado anualmente a 18 de maio, foi criado em 1977 pelo ICOM - Conselho Internacional de Museus, no sentido de contribuir, junto da sociedade, para uma reflexão sobre o papel dos Museus no seu desenvolvimento.Em 2020, com o objetivo de promover a diversidade e a inclusão nas instituições culturais, o ICOM apresenta o tema "Museus para a Igualdade: Diversidade e Inclusão".
Hoje em dia, muitas são as disparidades que podem ocorrer dentro dos museus e entre estes e os seus visitantes, relacionadas com os mais diversos fatores: origem étnica, género, orientação e identidade sexual, origem socioeconómica, nível de educação, capacidade física, ideias políticas e crenças religiosas. Tendo em conta o seu papel social, os museus podem incentivar de forma relevante a diversidade e a inclusão, desenvolvendo experiências significativas para pessoas de todas as origens. Atendendo, por um lado, aos constrangimentos impostos pela atual pandemia, e, por outro, à reabertura dos museus a 18 de maio, a Direção-Geral do Património Cultural convidou os espaços museológicos da Rede Portuguesa de Museus a associarem-se a estas comemorações, nomeadamente através da partilha de iniciativas que possam ser divulgadas on-line e, também, de atividades presenciais.

Para assinalar a data e o simbolismo da ocasião foi determinada, pelo Despacho 22/GDG/2020, a gratuitidade de entrada em todos os Museus, Palácios e Monumentos sob tutela da DGPC, no dia 18 de maio de 2020.
Nota: De forma a garantir o cumprimento das regras básicas de higiene e segurança, solicitamos a todos que tenham em conta as seguintes condições: uso de máscara, respeito pela distância de segurança e pelo nº máximo de visitantes estipulado por cada entidade.

Para quaisquer esclarecimentos, poderão contactar o e-mail 18demaio@dgpc.pt.

Consulte o PROGRAMA GERAL (em permanente atualização).

 

Reabertura dos Museus, Monumentos e Palácios tutelados pela DGPC | 18 de maio | Dia Internacional dos Museus | Sejam Bem-vindos!

No dia 18 de maio reabrimos os Museus, Monumentos e Palácios para si!

Estamos preparados para o receber.

Aplicámos todas as medidas de segurança.

É o tempo do regresso, do reencontro.

Voltar aos espaços que são de todos.

Chegou o momento de visitar, revisitar, descobrir.

E fruir o Património Cultural!

Sejam bem-vindos!

 

 

PantaoNacional.jpg

Panteão Nacional|Almeida Garrett

Sabia que a história atribulada da construção da Igreja de Santa Engrácia e a aparente incapacidade de a terminar teriam origem numa trágica história de amor e numa maldição?

Da primitiva Igreja de Santa Engrácia construída no final do séc. XVI chega-nos a história, ocorrida em 1630, do vandalismo do sacrário de que foi acusado o jovem cristão-novo Simão Solis. Condenado à morte, Simão Solis sempre se afirmou inocente.

Reza a lenda que o jovem estaria apaixonado por uma jovem fidalga mandada, pela família, para o convento de Santa Clara situado junto à igreja. Na noite do infeliz acontecimento rondava o lugar na esperança de a ver e convencê-la a fugirem juntos.

Detido e acusado do crime, Simão nunca confessou o motivo que o levara ao lugar, apenas afirmando a sua inocência. A caminho da execução terá lançado a maldição “Tão certo eu estar inocente, como as obras desta igreja não terão fim."

 Visita Virtual ao Panteão Nacional: clique aqui.

fap_força-aerea-portuguesa_avioes.jpg

 

 Museu do Ar

 O Museu do Ar abriu ao público em 1 de julho de 1971, em Alverca. O espaço tornou-se insuficiente pelo aumento de acervo tendo-se decidido criar um novo espaço em Sintra, junto à Base Aérea Nº1, inaugurado em 2009.
Numa área com mais de 8000 m2 estão expostos mais de 40 aviões e helicópteros, simuladores, motores, hélices e outros equipamentos aeronáuticos.
A exposição transporta o visitante numa viagem de mais de 100 anos pela História da Aviação em Portugal, documentando a grande aventura do Homem, Voar.
O visitante encontra uma valiosa coleção de aviões históricos com destaque para o Junker JU52 (1930), o Avro Cadet (1931), o DH-87 Hornet (1934), o DH-89 Dragon Rapide (1934), o Spitfire (1934), o DC-3 Dakota (1935), o F-86 Sabre (1947).
O Museu apresenta a história da TAP – Transportes Aéreos Portugueses, destacando-se o primeiro simulador de voo por instrumentos, fardamento e louça utilizada a bordo.
O acervo da ANA – Aeroportos de Portugal reflecte a sua actividade ao longo do tempo. Está exposta a maqueta original do Aeroporto de Lisboa inaugurado em 1942. Expõem-se os equipamentos originais da primeira Torre de Controlo de Tráfego Aéreo, bem como o respectivo mobiliário original.
O Museu do Ar está dotado de um auditório multimédia, onde se podem visualizar filmes e documentários sobre temas aeronáuticos.
Nos 3 Hangares Históricos está representada a Aviação Civil e Desportiva, aviões da Força Aérea utilizados na Guerra Colonial e aviões a jacto da Força Aérea utilizados no treino avançado de pilotagem. Neste espaço expõe-se igualmente o avião Dassault Falcon 20 usado inicialmente no transporte VIP e, mais tarde, em voos de calibração de equipamentos electrónicos de apoio à navegação aérea.
A Sala dos Pioneiros transporta-nos ao período das grandes viagens aéreas dos portugueses pelo mundo. Mostram-se documentos pessoais, troféus e instrumentos de navegação usados na época. Destacam-se os voos mais importantes feitos por Sacadura Cabral, Gago Coutinho, Sarmento de Beires, Brito Pais, Humberto da Cruz e Carlos Bleck.
O Museu do Ar, para além das atuais instalações da sede em Sintra e Núcleo de Alverca dispõe ainda de um Núcleo museológico situado no Aeródromo de Manobra Nº1, Ovar.

Visita Virtual à Igreja da Força Aérea Portuguesa: clique aqui

MAAT – Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia

Para ver mais atividades "pensadas" para este Dia Internacional do Museus 2020, clique aqui.

 

Fontes:

http://www.patrimoniocultural.gov.pt/

https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/museu-do-ar-assinala-dia-internacional-dos-museus-com-live-streaming-589542

https://museudoar.pt/pagina-001.001-museu

https://www.maat.pt/pt

Dia Internacional dos Museus

DI-museus9684754d223b3935c4f1a59ecbb59a0e.jpg

    http://www.patrimoniocultural.pt/pt/

 

mu·seu
(latim Museum, -i, do grego mouseîon, -ou, lugar consagrado às musas, museu, biblioteca, academia)

substantivo masculino

1. Lugar destinado ao estudo das ciências e das artes.

2. Lugar onde se reúnem curiosidades de qualquer espécie ou exemplares científicos, artísticos, etc.

3. [Figurado]  Colecção de coisas várias.


"museu", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/DLPO/museu [consultado em 18-05-2016].

 

Dia Internacional dos Museus, criado pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, celebra-se anualmente a 18 de maio, através da organização de diversas atividades.

O tema proposto para 2016 - "Museus e Paisagens Culturais" –, visa promover a ideia de museu enquanto centro territorial de uma proteção ativa da paisagem cultural. Essa função pode ser exercida em diferentes níveis, nomeadamente através da sensibilização das comunidades para o papel interventivo que podem desempenhar na conservação e valorização deste universo patrimonial tão vulnerável, e contribuir para minimizar a sua degradação ou até mesmo o seu aniquilamento.

Noite Europeia dos Museus, criada pelo Ministério Francês da Cultura e da Comunicação, irá decorrer a 21 de maio, e os museus portugueses irão associar-se, uma vez mais, a estas celebrações.

79 Museus, Monumentos e Palácios de cerca de 44 concelhos de todo o país, participam este ano com centenas atividades muito diversificadas, proporcionando experiências atrativas e fora da oferta habitual por permitir ao público vivenciar os espaços numa perspetiva diferente, participando em atividades propositadamente organizadas para esse ambiente e horários específicos.

No dia 18 de maio os Museus, Palácios e Monumentos da DGPC têm Entrada Livre

Na Noite dos Museus, 21 de maio, os Museus, Palácios e Monumentos da DGPC estarão abertos gratuitamente a partir das 17h30.

 

in Direção-Geral do Património Cultural [em linha], http://www.patrimoniocultural.pt/pt/ [consultado em 18-05-2016].

 

7967bd2948.jpg

 

Porquê um Dia Internacional dos Museus?

 

A ONU lembra em 18 de maio o Dia Internacional dos Museus, e destaca a importância desses espaços na promoção do diálogo e do desenvolvimento cultural. Segundo a organização não-governamental Conselho Internacional dos Museus, a adesão ao evento tem aumentado entre os museus de todo o mundo, sendo que em 2015, mais de 35 mil museus de cerca de 145 países participaram das celebrações.

 

O Dia Internacional dos Museus foi estabelecido em 1977 com a adoção de uma resolução da Assembleia Geral do Conselho Internacional dos Museus em Moscou, na Rússia, para criar um evento anual “com o objetivo de avançar na unificação de aspirações criativas e no esforço de atrair a atenção do público para sua atividade”. Neste dia, os museus participantes organizam eventos e atividades relacionadas ao assunto.

O tema de 2016, “Museus e Paisagens Culturais”, une natureza e história.  Tem por objetivo reconhecer que os indivíduos e as comunidades não são os únicos responsáveis por proteger e melhorar as paisagens culturais. Essa tarefa também é dos museus, em seu papel de guardiões do legado material e imaterial de tais territórios.

Os museus sempre ocuparam um lugar vital na Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). Em novembro de 2015, a 38ª Conferência Geral da UNESCO adotou de forma unânime a recomendação relacionada à Proteção e Promoção de Museus e Coleções. Esse instrumento reflete o compromisso da agência e seus Estados-membros em promover o papel e a diversidade dos museus e coleções, em consonância com a missão do Dia Internacional dos Museus.

Com o objetivo de aumentar a difusão da recomendação, a UNESCO está organizando um Fórum de Alto Nível sobre Museus, que ocorrerá na cidade de Shenzhen, na China, em 2016. O fórum servirá como um laboratório de ideias que ajudará a gerar abordagens sobre inovação e planos de ação para fortalecer o papel dos museus como vetores para o diálogo intercultural e o desenvolvimento sustentável.

 

in Nações Unidas no Brasil [em linha], https://nacoesunidas.org/no-dia-internacional-dos-museus-onu-destaca-importancia-desses-espacos-para-a-cultura/ [consultado em 18-05-2016].

 

Visite os museus portugueses. Sugerimos-lhe apenas alguns:

Museu Calouste Gulbenkian

Museu da Marinha (permite uma visita virtual)

Museu Nacional de Arte Antiga

Museu Nacional de História Natural e da Ciência

Museu Nacional dos Coches

Palácio Nacional de Mafra

 

e claro: o Convento de Cristo

 

 

 

Dia Internacional dos Museus 2015

18412270_6ZEc1.jpeg

 

Museus para uma sociedade sustentável 

 

 

O Dia Internacional dos Museus, criado pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, celebra-se anualmente a 18 de maio, através da organização de diversas atividades, sob o tema Museus para uma sociedade sustentável.

A Noite Europeia dos Museus, criada pelo Ministério Francês da Cultura e da Comunicação, irá decorrer a 16 de maio.

Cerca de 70 Museus de todo o país participam este ano com cerca de mais de 400 atividades muito diversificadas, sendo que só na Noite dos Museus se irão realizar mais de 140 atividades, proporcionando experiências atrativas e fora da oferta habitual por permitir ao público vivenciar os espaços numa perspetiva diferente, participando em atividades propositadamente organizadas para esse ambiente e horários específicos.

No dia 18 de maio os Museus e Palácios da DGPC têm Entrada Livre

Na Noite dos Museus, 16 de maio, os Museus e Palácios da DGPC estarão abertos gratuitamente a partir das 18h00.

 

Da lista divulgada no portal da Direção Geral do Património Cultural, não consta o Convento de Cristo.

 

Fonte (RBE) 

 

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.