Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018

Quer viver mais anos? Leia livros!

10-12-2018

 

Quem diria que meia hora de leitura diária significa mais anos de vida. É a conclusão de um estudo realizado por investigadores do Laboratório de Epidemiologia e Saúde Pública da Universidade de Yale, nos Estados Unidos da América.
 
Depois de se reunirem dados sobre os hábitos de leitura de mais de 3500 pessoas acima dos 50 anos, constatou-se que nos 12 anos seguintes a taxa de mortalidade dos leitores assíduos foi 20% inferior à de quem não era tão dedicado aos livros. E a esperança média de vida dos primeiros revelou-se 23 meses superior à dos segundos.

«As pessoas que reportaram uns meros 30 minutos de leitura diários de um livro tiveram uma significativa vantagem de longevidade em relação aos que não liam», sublinha Becca R. Levy, professora de epidemiologia em Yale, em declarações ao The New York Times.

Publicado no jornal Social Science and Medicine, em 2016, o estudo levou em conta fatores como a idade, género, raça, educação, condição económica ou doenças para sugerir que «os benefícios de ler livros incluem uma vida mais longa para os poder ler».

Leia aqui a notícia completa que, embora tenha sido publicada em 2016, se mantém atual para quem quer viver mais anos.
 
 
Fonte: https://www.santillana.pt/
publicado por essmo-becre às 11:21
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Citação do dia

.Catálogo On-Line

Bibliotecas do Agrupamento

.Tutorial - consulta do catálogo

>

.Sugestões

"Frida" é um percurso pessoal e intimista pelos principais momentos da vida da aclamada artista mexicana, através dos textos poéticos e metafóricos de Sébastien Pérez, onde afloram reflexões e emoções da própria pintora recolhidas no seu diário e correspondência; e complementado com a abordagem moderna e transgressora de Benjamin Lacombe, que aí recria alguns dos seus quadros mais célebres, desde “Raízes” até ao “Veado ferido”, passando por “Autorretrato com macacos”. Com “Frida”, o leitor fica cativado pelo poderoso olhar da protagonista, que dessa forma o conduz ao longo deste magnífico volume visual, caracterizado pela sua elegância, pelo intenso colorido das suas ilustrações e pelo requinte da sua edição forrada a tecido, com páginas que se sobrepõem umas às outras e se complementam pelo recurso a cortantes. Fonte: www.fnac.pt

.pesquisar

 

.links

.Rádio miúdos

https://www.radiomiudos.pt/

.Música

.posts recentes

. Novo ano letivo

. Chegada do HOMEM à LUA

. Edgar Degas

. Aristides de Sousa Mendes

. Nascimento da pintora mex...

. Nascimento do escritor mo...

. Nascimento de Antónia Ade...

.subscrever feeds

.Visitantes

.Professor bibliotecário: ode

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.tags

. todas as tags