Segunda-feira, 27 de Novembro de 2017

Concurso Nacional de Leitura

captura_de_ecra_2017_04_20,_a_s_12.40.09.png

 

 

O Concurso Nacional de Leitura é uma iniciativa da equipa do Plano Nacional de Leitura 2027 em parceria com a Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas, a Rede das Bibliotecas Escolares, o Camões IP, a Direção de Serviços de Ensino e Escolas Portuguesas no Estrangeiro e a RTP.

Na 12.ª Edição, este concurso vai cumprir-se entre o dia 20 de novembro de 2017, data oficial de abertura, e o dia 10 de junho de 2018, data de celebração da língua portuguesa.

Este ano, poderão concorrer alunos dos 1.º, 2º e 3º Ciclos do Ensino Básico, bem como do Ensino Secundário.

As escolas podem inscrever-se até 5 de dezembro de 2017.

O concurso será estruturado em duas fases:

Fase Regional - engloba as provas nas escolas, municípios e territórios das comunidades intermunicipais / áreas metropolitanas / associações de municípios fazendo intervir, de forma decisiva, as Bibliotecas Escolares e as Bibliotecas Públicas;

Fase Nacional – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova dirigida a todos os vencedores da Fase Regional + vencedores das Escolas portuguesas e com ensino de português no estrangeiro.

Serão apurados cinco finalistas em cada nível de ensino.

O objetivo central do Concurso Nacional de Leitura é estimular hábitos de leitura e pôr à prova competências de expressão escrita e oral.

Consulte o regulamento em

http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt/data/cnleitura_12ed_regulamento_e_calendario.pdf

 

Vamos ler?

 

publicado por essmo-becre às 16:46
link do post | comentar | favorito

.Citação do dia

.Catálogo On-Line

Bibliotecas do Agrupamento

.Sugestões

Quando referimos o património cultural, há a tentação de pensar que falamos de antigualhas, de coisas do passado, irremediavelmente perdidas. Puro engano! Referimo-nos à memória viva, seja referida a monumentos, sítios, tradições, seja constituída por acervos de museus, bibliotecas e arquivos. Tratamos de conhecimentos ou de expressões da criatividade humana... Ter memória é, assim, respeitarmo-nos. Cuidar do que recebemos é dar atenção, é não deixar ao abandono. Daí a presente obra procure aliar a ideia de peregrinação, no sentido da demanda de outros lugares e de outras gentes, através da sua história, como se já fizera em "Na Senda de Fernão Mendes", à memória da cultura e da língua portuguesa, como língua de várias culturas e cultura de várias línguas. Neste Ano Europeu do Património Cultural trata-se de um apelo a que a cultura seja compromisso, cuidado, atenção e conhecimento. Fonte:"https://www.fnac.pt/"

.pesquisar

 

.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Rádio miúdos

https://www.radiomiudos.pt/

.links

.Música

.posts recentes

. Reforma de 2018 das regra...

. Prémio Escolar AEPC 2018

. Dia da Europa 2018

. Acordo ortográfico 1990

. Bibliotecando, no fim de ...

. Concurso Nacional de Leit...

. VOTEM E PARILHEM: Autores...

.subscrever feeds

.Visitantes

.Professor bibliotecário: ode

.tags

. todas as tags