Quinta-feira, 21 de Março de 2013

Dia Mundial da Poesia

 

Wordle: Dia Mundial Poesia

 

 

"Há razões para pensar que a língua é,
toda ela, obra de poesia."

José Saramago, Diário de Notícias (2009)



 

Mensagem da diretora-geral da UNESCO por ocasião do Dia Mundial da Poesia

Sra. Irina Bokova, por ocasião do Dia Mundial da Poesia

21 de março de 2013

 

 

Poesia é uma das mais puras expressões de liberdade linguística. É um componente da identidade dos povos e carrega a energia criativa da cultura, razão pela qual pode renovar-se continuamente.

Esse poder da poesia é transmitido de geração em geração, nos textos consagrados de grandes autores e nas obras de poetas anônimos.

 

Nós temos o dever de transmitir esse patrimônio – o legado de Homer, Li Bai, Tagore, Senghor e inúmeros outros –, já que ele carrega testemunho vivo da diversidade cultural da humanidade. A nós cabe estarmos dispostos a frutificá-lo, como uma fonte de riqueza e diálogo linguístico. 

Ao celebrar o Dia Mundial da Poesia, a UNESCO deseja também promover os valores que a poesia transmite, porque poesia é uma viagem – não em um mundo de sonhos, mas frequentemente próxima às emoções, às aspirações e às esperanças dos indivíduos. Poesia dá forma aos sonhos dos povos e expressa a espiritualidade deles nos mais fortes termos – ela também encoraja todos nós a mudar o mundo.

 

Poetas em todos os países herdam versos atemporais em defesa dos direitos humanos, da igualdade de gênero e do respeito pelas identidades culturais. Paul Eluard escreveu “liberdade... eu escrevo teu nome”. Até hoje, a poesia traz os ventos de liberdade e dignidade na luta contra a violência e a opressão. Por todas essas razões, a UNESCO apoia os poetas e todos os que publicam, traduzem, imprimem ou disseminam poesia. Ela assim o faz, a fim de proteger a diversidade das expressões culturais e de preservar recitais de poesias listados como patrimônio cultural imaterial da humanidade, como tantas as maneiras de embelezar o mundo e construir as defesas da paz nas mentes dos homens e das mulheres.

 

Texto escrito em português do Brasil
http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/ 


publicado por essmo-becre às 10:46
link do post | comentar | favorito

.Citação do dia

.Catálogo On-Line

Bibliotecas do Agrupamento

.Tutorial - consulta do catálogo

>

.Sugestões

«Uma das obras mais notáveis de Agustina Bessa-Luís, O Susto é um roman à clef, um romance cujas personagens são modeladas em pessoas reais. O protagonista, José Midões, é o poeta Teixeira de Pascoaes. Agustina Bessa-Luís descreve-o como uma figura excepcional, acima de todos os contemporâneos, e não esconde o fascínio que Pascoaes lhe inspira. (...) Se todos os livros têm o seu destino, o deste romance é duplo. A sua recepção por leitores e pares, e as consequências dessa acidentada recepção, tiveram efeitos consideráveis na carreira da autora, que merecem ser descritos. [...]» Do Prefácio de António Feijó Fonte:"https://www.fnac.pt/"

.pesquisar

 

.links

.Rádio miúdos

https://www.radiomiudos.pt/

.Música

.posts recentes

. Os livros

. Semana da Leitura 2019

. Evolucionismo | casa das ...

. MILD - Manual de Instruçõ...

. Licenças creative commons...

. Seguranet: alguns recurso...

. Internet Segura

.subscrever feeds

.Visitantes

.Professor bibliotecário: ode

.Março 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags