Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008

1º Prémio - Flávia Santos

Diário de Anne Frank após a descoberta do esconderijo a 4 de Agosto de 1944

 Querida Kitty:
 
Hoje, 5 de Agosto de 1944, eu e muitos mais judeus estamos dentro de um grande comboio que, segundo dizem, nos vai levar a um campo de concentração – “Aushwitz”. Tenho medo do que possa acontecer. Estou assustada e não entendo para quê tudo isto.
 
7 de Setembro
 
Chegámos agora a um campo, é horrível! Cortaram-nos o cabelo e obrigaram-nos a andar sem roupa! Aqui está muito frio e não consigo parar de tremer…
Estou com a minha mãe e com Margot, revistaram-nos e tiraram-nos todos os nossos bens. Tive de dizer que tinha 16 anos para não me levarem apara a câmara de gás.
 
10 de Setembro
 
Obrigaram-nos a trabalhar arduamente e não vejo o meu pai, nem sei onde ele está, nem se está bem…
Os nazis são duros para nós e matam uma pessoa logo que ela esteja um pouco doente.
 
20 de Novembro
 
Querida Kitty, já faz algum tempo que mudei para o campo de Bergen Berson. Hoje, Lies, uma grande amiga minha que conseguiu escapar, trouxe-me comida, mas vou dá-la à minha irmã, porque ela está muito doente, mas como estas pessoas têm tanta fome, roubaram-me!
Já sinto piolhos a andar pelo meu corpo. Isto é o Inferno!
 
14 de Dezembro
 
Sinto-me cansada. A pouca comida que me dão eu dou a Margot. Tenho saudades da minha família e do Peter!
Por isso, querida Kitty, minha fiel amiga, se eu nunca mais falar contigo, peço desculpa; é porque estou muito cansada e já não aguento estar aqui a ver a minha irmã tão doente e a sofrer.
tags:
publicado por essmo-becre às 12:52
link do post | comentar | favorito

.Citação do dia

.Catálogo On-Line

Bibliotecas do Agrupamento

.Tutorial - consulta do catálogo

>

.Sugestões

Toda a poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen, em nova edição, com inéditos da autora. A presente edição reúne toda a obra poética de Sophia de Mello Breyner Andresen, seguindo e atualizando os critérios de fixação de texto adotados nas edições anteriores, graças ao notável trabalho de Maria Andresen de Sousa Tavares e Carlos Mendes de Sousa, que assinam, respetivamente, o prefácio a esta edição, e a Nota de Edição. O presente volume inclui alguns poemas inéditos que integram o espólio da autora, em depósito na Biblioteca Nacional. [...] Fonte:"https://www.fnac.pt/"

.pesquisar

 

.links

.Rádio miúdos

https://www.radiomiudos.pt/

.Música

.posts recentes

. A Água, a poesia e a flor...

. Dia Mundial da Poesia em ...

. DIA MUNDIAL DA POESIA 201...

. "Navegações" de Sophia d...

. Dia mundial da poesia | ...

. CNC assinala ao longo do ...

. Ativismo - Amnistia Inter...

.subscrever feeds

.Visitantes

.Professor bibliotecário: ode

.Março 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags