Quarta-feira, 24 de Fevereiro de 2010

Um Novo Consílio divino

 

Num novo consílio, os deuses reúnem-se no altivo Olimpo com o objectivo de decidir o destino das florestas em Portugal.
Sentado está, no seu trono marchetado de diamantes, Júpiter, que inicia a reunião. Começa por introduzir o tema a discutir dizendo:
- As florestas daquela terra Lusitana estão a extinguir-se cada vez mais e se tal continuar a acontecer, não haverá local para os pobres animais viverem e o oxigénio nessas paragens escasseará.
Logo diz Vénus, prontamente, com seu vivo instinto ternurento para com as criaturas deste mundo:
-Não podemos, nós, deuses do grande Olimpo, permitir que isso aconteça; temos que pôr um fim a tais barbaridades!
Baco, que temendo perder o espaço para as preciosas videiras, produtoras do seu precioso invento, disse na sua vez de tomar a palavra:
-Júpiter, meu pai, vós que tudo podeis decidir sem mais nenhum consentimento, por favor, deixai as florestas e as preciosas videiras terem espaço para viver e reproduzir-se, por um mundo mais limpo e mais feliz.
Assim, acabando de falar, logo aceitou sua vez, Marte, deus da guerra, de falar com seu rosto autoritário e ar altivo, com seu corpo ingente e robusto, assim disse:
- Eu, Marte, o que decide as bélicas relações entre os homens, tenho a dizer que também quero o bem das florestas portuguesas pois soldados fortes têm que ter fortes pulmões para gritar e erguer mais alto que o céu o nome de sua Pátria.
Tendo ouvido e considerado todas as opiniões, o Pai dos deuses que governa os Fados humanos, deu por terminada a sessão, aceitando as opiniões, e decidindo salvaguardar as florestas, aspergiu o néctar divino por todos os deuses ali presentes.

 

Henrique Raposo de Carvalho nº 9, 9º Ano Turma A.

publicado por essmo-becre às 19:33
link do post | comentar | favorito

.Citação do dia

.Catálogo On-Line

Bibliotecas do Agrupamento

.Tutorial - consulta do catálogo

>

.Sugestões

«Uma das obras mais notáveis de Agustina Bessa-Luís, O Susto é um roman à clef, um romance cujas personagens são modeladas em pessoas reais. O protagonista, José Midões, é o poeta Teixeira de Pascoaes. Agustina Bessa-Luís descreve-o como uma figura excepcional, acima de todos os contemporâneos, e não esconde o fascínio que Pascoaes lhe inspira. (...) Se todos os livros têm o seu destino, o deste romance é duplo. A sua recepção por leitores e pares, e as consequências dessa acidentada recepção, tiveram efeitos consideráveis na carreira da autora, que merecem ser descritos. [...]» Do Prefácio de António Feijó Fonte:"https://www.fnac.pt/"

.pesquisar

 

.links

.Rádio miúdos

https://www.radiomiudos.pt/

.Música

.posts recentes

. Os livros

. Semana da Leitura 2019

. Evolucionismo | casa das ...

. MILD - Manual de Instruçõ...

. Licenças creative commons...

. Seguranet: alguns recurso...

. Internet Segura

.subscrever feeds

.Visitantes

.Professor bibliotecário: ode

.Março 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags