Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Dia de Pão por Deus / Dia das Bruxas - Halloween

Dia de Pão por Deus verifica-se a 1 de novembro.

É no Dia de Todos os Santos que as crianças saem de manhã bem cedo às ruas em pequenos grupos e pedem “Pão por Deus” de porta em porta.

É uma tradição das zonas mais rurais, semelhante ao “trick or treat” americano da noite de Halloween.

Porém, ao contrário deste, as crianças devem estar muito bem vestidas, levar uma saquinha bonita para as ofertas e serem bem comportadas.

1 de novembro

História do Pão por Deus

O dia de Pão por Deus era um dia onde antigamente se repartia pão cozido pelos pobres. As pessoas iam pedir Pão por Deus às portas para colmatar a pobreza.

A tradição está ligada ao costume de oferecer alimentos aos defuntos. Quem pedia à porta era encarado como a alma do morto a errar pelo mundo e a pedir. O Pão de Deus é assim uma oferta às almas que partiram.

Além de se abrirem as portas e de se oferecer o que estava à mesa, os pobres ainda podiam levar algo para comer. Em certos locais este dia é conhecido como o Dia dos Bolinhos, sendo que os padrinhos oferecem um bolo chamado de “santoro” aos seus afilhados.

Pedidos de Pão por Deus

Para chegarem a casa com bolos, bolachas, frutas, chocolates, frutos secos ou outros, as crianças devem dizer uma espécie de oração aos moradores das casas, como os seguintes exemplos:

“Pão por Deus,
Fiel de Deus,
Bolinho no saco,
Andai com Deus.”

“Ó tia, dá Pão-por-Deus?
Se o não tem Dê-lho Deus!”

"Bolinhos e bolinhós
Para mim e para vós
Para dar aos finados
Qu'estão mortos, enterrados
À porta daquela cruz

Truz! Truz! Truz!
A senhora que está lá dentro
Assentada num banquinho
Faz favor de s'alevantar
P´ra vir dar um tostãozinho."

Quando se recebe algo:

"Esta casa cheira a broa
Aqui mora gente boa.
Esta casa cheira a vinho
Aqui mora algum santinho."

Quando não se recebe nada:

"Esta casa cheira a alho
Aqui mora um espantalho
Esta casa cheira a unto
Aqui mora algum defunto."

Fruto da Globalização, ... 

Dia das Bruxas, ou Halloween, é celebrado anualmente na noite de 31 de outubro.

Neste dia, as crianças mascaram-se com visuais assustadores e percorrem as ruas em grupo, batendo de porta em porta a pedir guloseimas às pessoas.

Quando a porta abre devem dizer "doçura ou diabrura?". Se as pessoas não lhes derem doces ou guloseimas, as crianças têm permissão para fazer uma travessura.

Origem do Dia das Bruxas

Dia das Bruxas

O Dia das Bruxas é uma celebração pagã, que surgiu há mais de dois mil anos. Teve origem com o povo celta, que festejava no seu calendário o fim do verão, o início do Ano Novo e as boas colheitas do ano. A comemoração original chamava-se Samhain, que significa "fim de verão".

Anos depois, no Reino Unido, a data passou a marcar o Dia de Todos os Santos, daí ter surgido o nome Halloween, pois este resulta da junção dos termos hallow, que significa "santo", e eve, que significa "véspera".

Dia das Bruxas em Portugal

Portugal não tem uma tradição tão forte neste dia como os Estados Unidos e o Reino Unido, mas também se celebra o Halloween no nosso país, sobretudo pelas crianças e jovens, que saem às ruas para fazer travessuras.

Em Montalegre realizam-se encenações especiais neste dia e em todas as sextas-feiras treze do ano. Logo pelo início de outubro as lojas de roupa apresentam fatos de Halloween à venda, enquanto algumas montras são decoradas com abóboras e teias de aranha.

 

 

 

Fontes:

https://www.calendarr.com/portugal/dia-das-bruxas/

https://www.calendarr.com/portugal/dia-de-pao-por-deus/

 

 

ONDA ROSA 2019

banner-onda-rosa2019-nac-19.jpg

 

ONDA ROSA 2019 - 5ª EDIÇÃO



O movimento conhecido como Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, para estimular a participação da população no controlo do cancro da mama.
A data é celebrada anualmente com o objetivo de promover a consciencialização sobre a doença e partilhar informações sobre o cancro de mama. Um pouco por todo o mundo, durante este mês, a cor rosa alastra-se com o objetivo de permitir sensibilizar a população para a temática da prevenção e diagnóstico precoce do cancro da mama.

O Mês de outubro é assinalado por duas efemérides: a 15 de outubro assinala-se o Dia Mundial da Saúde da Mama e a 30 de outubro o Dia Nacional de Luta Contra o Cancro da Mama. É no período compreendido entre estas datas que a Liga Portuguesa Contra o Cancro desenvolve o movimento "Onda Rosa" procurando incentivar à prevenção e diagnóstico precoce do cancro da mama.

A campanha acontece pelo 5º ano consecutivo e depois de no ano passado ter contado com a participação de quase 600 instituições, chegou a altura de voltar a desafiar a comunidade a entrar na Onda.

Assim, em 2019 pretendemos estabelecer novamente sinergias de modo a potenciar o impacto deste movimento, reforçando por um lado as parcerias estabelecidas, mas também procurando novas. Participar nesta Onda é fácil e está ao alcance de todos, de forma individual ou em grupo, promovendo uma atividade para grupos organizados ou simplesmente passando a palavra junto ao que nos rodeiam.

Dia da Biblioteca Escolar

Dia da Biblioteca Escolar

mes_internacional_da_biblioteca_escolar_1_675_2500

 

O tema para o International School Library Month (ISLM) em 2019 é Let's Imagine, que traduzimos para Vamos imaginar. Baseia-se no tema da conferência de 2019 da IASL Convergência - Empoderamento - Transformação: Bibliotecas Escolares. Este ano, a International Association of School Librarianship (IASL) convida os participantes a pensar e celebrar a ligação entre livros, leitura e bibliotecas escolares e a imaginação.

A escolha de uma formulação temática tão abrangente e acessível a todos veio ao encontro de um desígnio abraçado pela Rede de Bibliotecas Escolares, o da biblioteca escolar como lugar por excelência da vivência de uma cidadania ativa e participada.

Assim, desenhámos um conjunto de propostas que convidem a celebrar o ISLM 2019 através de projetos e atividades para explorar e expressar o tema deste ano, não apenas numa perspetiva simbólica mas de convergência para a reflexão e a ação que os desafios atuais convocam. Acreditamos que as bibliotecas são espaços vivos, cujos atores principais são as crianças e jovens, seus utilizadores. Esperamos que o Mês Internacional da Biblioteca Escolar 2019 (MIBE 2019) seja uma celebração mundial criativa e imaginativa do poder das bibliotecas para transformar o mundo.

concurso-vamosimaginar.JPG

Regulamento

 

 

Mais de 100 mil jovens sofrem de escoliose idiopática em Portugal

21.10.2019 14h50

Deformação da coluna, assimetria dos ombros ou das ancas, ou a inclinação do troco são alguns dos sintomas da doença.

Mais de 100 mil adolescentes sofrem de escoliose idiopática, uma deformação grave da coluna vertebral. São obrigados a conviver com uma coluna que os limita no dia a dia. Os casos mais severos só se resolvem com uma cirurgia.

 

16 de outubro, Dia Mundial da Alimentação

image1170x530cropped.jpg

 

Dia Mundial da Alimentação ressalta importância de dietas saudáveis

Em mensagem, secretário-geral da ONU lembra que o mundo tem mais de 820 milhões de pessoas passando fome; ao mesmo tempo, 2 bilhões de homens, mulheres e crianças estão acima do peso ou obesos; falta de tempo para cozinhar em casa também influi na falta de dietas saudáveis.

Para alcançar o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 2, sobre Fome Zero, o mundo deverá abordar não apenas o combate à fome, mas também a forma de nutrição das pessoas.

FAO convida todos a refletirem sobre o que ingerem. , by Foto: FAO/Benjamin Rasmussen
 

Para isso, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, FAO, decidiu destacar a necessidade de dietas saudáveis e sustentáveis neste Dia Mundial da Alimentação.

Guterres disse que “é inaceitável que a fome esteja aumentando num momento em que o mundo desperdiça mais de 1 bilhão de toneladas de alimentos todos os anos.” Para ele, “como família humana, um mundo sem fome” é uma obrigação.

Fonte: https://news.un.org/pt/story/2019/10/1691041

 

 

Pág. 1/2