Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

DESAFIO: Miúdos a votos • Visão Júnior

Não participaste o ano passado? Participa este ano e diz aos teus colegas que participem contigo.

Indica o livro de que mais gostaste e que propões como candidato à eleição, através do preenchimento do respetivo formulário.

Miúdos a votos

Tendo em conta o sucesso desta iniciativa no ano letivo 2016-2017, a Rede de Bibliotecas Escolares e a VISÃO Júnior voltam a organizar a eleição dos livros preferidos das crianças e jovens portugueses. Às crianças e jovens será dada a possibilidade, através de uma eleição realizada em todas as escolas, de votarem no livro de que mais gostaram até hoje. Miúdos a votos conta com o apoio da Comissão Nacional de Eleições, do Plano Nacional de Leitura 2027, da Pordata, da Rádio Miúdos e da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL).

A iniciativa é aberta a todas as escolas, sejam públicas ou privadas, abrangendo alunos do 1.º ao 9.º ano de escolaridade e decorrerá durante o ano letivo de 2017-2018. É também alargada a estabelecimentos de ensino no estrangeiro que lecionem os mesmos anos de escolaridade e que tenham o Português como primeira língua. As eleições decorrerão no Dia Mundial do Livro, 23 de abril. O resultado do escrutínio, que apurará a lista dos livros que as crianças e jovens portugueses mais apreciam, segundo o ciclo de ensino que frequentam, será conhecido em junho, em data coincidente com a Feira do Livro de Lisboa.

Decorre até ao dia 22 de janeiro o recenseamento das escolas (formulário), em que as bibliotecas escolares/ escolas/ professores manifestam interesse em participar e a apresentação de candidaturas (formulário) em que os alunos indicam o livro que candidatam à eleição através do preenchimento dos respetivos formulários.

Todas as informações estão detalhadas no regulamento e qualquer dúvida poderá ser enviada para miudosavotos@visao.impresa.pt.

 

Maratona de Cartas

Um apelo da AMNISTIA INTERNACIONAL

Todos os anos, durante o último trimestre, a Maratona de Cartas consegue fazer com que mais de três milhões de pessoas em todo o mundo assinem para apelar ao fim das violações de direitos humanos através do envio de cartas. Sendo o maior evento de ativismo da Amnistia Internacional, a Maratona de 2016 não foi diferente e graças a si conseguimos enviar 265 665 assinaturas de Portugal, um novo recorde nacional!

Todas estas assinaturas foram enviadas em conjunto com mais de 4,5 milhões de apelos, oriundos de diversos países.

DEFENDER OS DIREITOS HUMANOS É HOJE UM ATO DE CORAGEM, NÃO DEIXE QUE SE EXTINGA

A Biblioteca Escolar, Centro de Recursos, do Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria, associa-se a este apelo.