Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

1º CONGRESSO DOS FUTUROS ENGENHEIROS – FCTUC

Propõe-se um desafio:

O 1º Congresso dos Futuros Engenheiros, organizado pelo GABINETE DE APOIO À DIVULGAÇÃO DA FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA (GAD–FCTUC; www.uc.pt/fctuc/Faculdade/servicos/GAD), irá decorrer no dia 28 DE ABRIL DE 2017 entre as 10h e as 17h, no auditório da FCTUC.

DESTINATÁRIOS

Este Congresso destina-se aos alunos do 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO.

O envolvimento da FCTUC com a comunidade estudantil e os Professores do Ensino Básico e Secundário pretende sensibilizar e promover a partilha do conhecimento nas diversas áreas da Engenharia.

Os alunos devem fazer-se acompanhar pelo professor responsável. O transporte dos alunos para o local do congresso é da responsabilidade da escola.

Dia Mundial de Luta Contra a Sida

featured-image-SIDA-2016.jpg

 

The United Nations Secretariat Building is lit with the Red AIDS ribbon, demonstrating the Organization's commitment to the battle against HIV/AIDS, and to spotlight the General Assembly Special Session on HIV/AIDS on June 25-27, 23 June 2001. UN Photo/Eskinder Debebe*

 

Tema de 2016: HANDS UP FOR #HIVPREVENTION (tradução livre: levantemo-nos para #prevençãoVIH)

aids_dia-2016.png

 

[...]A propósito do Dia Mundial de Luta Contra a Sida, a ONU lançou esta semana uma campanha para promover os direitos das pessoas portadoras de VIH e combater a discriminação de que são alvo no local de trabalho.

“Actualmente, devemos trabalhar todos juntos, governos, empregadores e organizações de trabalhadores – membros da Organização Internacional do Trabalho (OIT) – e outras partes interessadas, e comprometermo-nos a proteger os direitos humanos das pessoas que vivem com o VIH, para que estas possam beneficiar de um trabalho produtivo e viver com dignidade”, afirmou o Director Geral da OIT, Guy Ryder, no lançamento da campanha em Genebra.[...]

Este Dia Mundial foi lançado em 1988 e foi o primeiro dia global dedicado à saúde. A Organização Mundial de Saúde declarou que os objectivos da campanha se afiguram difíceis, mas são alcançáveis. Embora 2,5 milhões de pessoas tenham contraído o VIH no ano passado e cerca de 1,7 milhões tenham morrido em consequência deste, estes números representam menos 700.000 novas infecções em todo o mundo do que há dez anos, e menos 600.000 do que em 2005. Grande parte do progresso alcançado é atribuída aos chamados medicamentos antiretrovirais utilizados para tratar as pessoas infectadas pelo VIH.

Actualmente, oito milhões de pessoas nos países de baixo e médio rendimento têm acesso aos tratamentos de que necessitam. Estes medicamentos reduzem a quantidade de vírus no sangue, aumentando as possibilidades de os portadores permanecerem saudáveis, e reduzem o risco de que estes transmitam o vírus a outras pessoas.[...]**

 

No Dia Mundial de Luta contra a AIDS, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu renovado compromisso global para o combate à doença, assim como um “espírito intransigente” para colocar fim à epidemia até 2030.

“Desde a emergência da AIDS, há 35 anos, a comunidade internacional pode olhar para trás com algum orgulho, mas ainda é preciso mirar adiante com determinação e comprometimento para alcançar nosso objetivo de acabar com a epidemia até 2030”, disse Ban em comunicado para a data.

O secretário-geral reconheceu os progressos da luta contra a doença: o acesso a medicamentos dobrou nos últimos cinco anos e agora chega a 18 milhões de pessoas. Desde 2010, o número de crianças infectadas pela transmissão de mãe para filho diminuiu à metade, enquanto pessoas com HIV vivem mais e a cada ano há menos mortes por doenças relacionadas à AIDS.***

 

 

Fontes:

* - Nações Unidas, http://www.un.org/en/events/aidsday/

** - Centro Regional de Informação das Nações Unidas (UNRIC),  http://www.unric.org/

*** - Nações Unidas no Brasil, https://nacoesunidas.org/em-dia-mundial-onu-pede-compromisso-renovado-com-combate-a-aids/

Restauração da Independência de Portugal em 1640

Depois de alguns anos de interregno (em concreto, foi suprimido em 2013), regressa o feriado que celebra a Restauração da Independência de Portugal de 1640.

E se outros motivos não existissem para nos congratularmos pela reposição deste feriado nacional, bastaria relembrar que, no longíquo dia 1 de dezembro de 1640, Portugal só recuperou a soberania que havia perdido para Espanha 60 anos antes.

Quanto a nós, é com orgulho que assinalamos a data em que os "conspiradores derrubaram do trono Filipe III de Portugal, Filipe IV de Espanha, colocando, no seu lugar, D. João IV", pondo fim à dinastia espanhola dos Filipes que governou o nosso país entre 1580 e 1640.

Apesar da sua simplicidade, aqui vos deixamos um vídeo alusivo a esta efeméride:

 

 

 Video educativo sobre o 1 de dezembro de 1640 produzido pela Porto Editora