Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Dia Internacional do Jazz

 

Foi o pianista e compositor Herbie Hancock que propôs à UNESCO a criação deste dia, que este ano celebra-se pela segunda vez.

 

No segundo ano em que se celebra o Dia Internacional do Jazz haverá uma série de iniciativas para assinalar a data.

 

O Hot Clube de Portugal levará  alguns dos seus alunos para um concerto no Cinema São Jorge, em Lisboa, pelas 13.00. Às 15.00 o dixigang atuará por várias ruas da capital e às 17.00 um grupo de alunos do Hot Clube atuará no pátio deste espaço. Uma hora depois Bernardo Moreira vai dar uma aula aberta sobre a história do jazz.A partir das 22.30 o clube recebe uma maratona de músicos que atuará pela noite fora.

 

Também em Lisboa, na estação Baixa-Chiado PT Bluestation, um conjunto de alunos da Escola do Hot Clube vai atuar em conjunto com os alunos da Faculdade de Música Souza Lima, em São Paulo, através de uma ligação-vídeo, a partir das 17.00.

 

Já a Universidade de Aveiro tem também uma série de iniciativas marcadas para celebrar o Dia Internacional do Jazz. A cantora Jacinta vai orientar uma masterclass de voz, o pianista Filipe Melo vai também dar uma masterclass de piano e comobo. Realizar-se-á ainda a conferência "Projecto Mensageiros do Jazz", pelos investigadores do próprio projeto. Luís Figueiredo vai dar uma aula aberta sob o mote "Jazz on Film" e estará ainda patente a exposição "Jazz em Cartaz".

Também  o Cascais Jazz Club levará até ao Largo Cidade Vitória a banda Findu's Blues para um concerto, a começar às 18.00. À noite atuará o trio de Jorge Esteves de Almeida.


E apesar de não se realizar hoje, a 32.ª edição do festival Estoril Jazz foi considerado o evento comemorativo deste dia. O festival vai decorrer de 10 a 12 de maio e de 17 a 19 do mesmo mês, no Casino Estoril. Harold Mabern, Gary Burton, Wycliffe Gordon ou a Orquestra Hot Clube de Portugal vão marcar presença neste certame histórico.

Disponível em URL: http://www.dn.pt/inicio/artes/interior.aspx?content_id=3192125&seccao=M%EF%BF%BDsica&page=2.
Acedido em: 30.04.2013

À conversa com... Francisco Moita Flores

Foi perante um anfiteatro cheio que Francisco Moita Flores fez o elogio do Livro e da Leitura, hoje, dia em que se assinala o Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor.

Falou-nos dos livros com paixão e foi, desse modo, que a todos prendeu.  

O LIVRO como memória de nós, dos nossos afetos, das nossas vivências.

O LIVRO que nos faz crescer, aprender e tornarmo-nos pessoas.

 

Todos saímos mais ricos, mais nós, mais pessoas.

 

 

 

 

Francisco Moita Flores from Escola Secundária Sta Maria do Olival

Dia Mundial do Livro

 

 

 

 

 

De acordo com o sítio na internet da  Direção Geral do Livro e das Bibliotecas (http://www.iplb.pt)  , O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de Abril. Trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia desapareceram importantes escritores como Cervantes e Shakespeare. A ideia da comemoração teve origem na Catalunha: a 23 de Abril, dia de São Jorge, uma rosa é oferecida a quem comprar um livro. Mais recentemente, a troca de uma rosa por um livro tornou-se uma tradição em vários países do mundo.


Este ano, a imagem da DGLAB é da autoria de Gémeo Luís, ilustrador premiado e internacionalmente conhecido.



A este propósito, a diretora geral da UNESCO deixa-nos uma mensagem. 


Mensagem da diretora-geral da UNESCO por ocasião do Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, 23 de abril de 2013

A UNESCO tem celebrado o Dia Mundial do Livro e dos Direitos Autorais, em 23 de abril, há 17 anos. Por todo o mundo, os Estados-membros da UNESCO celebram o poder dos livros para nos reunir, e transmitir a cultura dos povos e seus sonhos de um futuro melhor.

Este dia propicia uma oportunidade para refletirmos juntos sobre maneiras de melhor disseminar a cultura da palavra escrita e de permitir que todos os indivíduos, homens, mulheres e crianças, tenham acesso a ela, por meio de programas de alfabetização e de apoio a carreiras em publicações, livrarias, bibliotecas e escolas. Os livros são nossos aliados na disseminação da educação, da ciência, da cultura e da informação pelo mundo.

Thai manuscript, 19th century © Bavarian State Library in Munich, Germany

 

 

A cidade de Bangkok foi designada a “Capital Mundial do Livro 2013”, em reconhecimento a seu programa para a promoção da leitura entre jovens e camadas menos favorecidas da população. Essa é uma fonte de inspiração em nossos esforços coletivos para promover a diversidade editorial e para proteger a propriedade intelectual e o acesso equitativo à riqueza dos livros.

A UNESCO está comprometida com esse trabalho, no espírito da Convenção sobre a Proteção e a Promoção da Diversidade das Expressões Culturais, juntamente com todos os seus parceiros, incluindo a Associação Internacional de Editores, a Federação Internacional de Vendedores de Livros e a Federação Internacional de Associações de Bibliotecários e de Bibliotecas.

Este dia também nos chama a refletir sobre as mudanças nos livros no longo prazo e sobre os valores intangíveis que devem nos guiar. Livros digitais oferecem novas oportunidades de acesso ao conhecimento, a um preço reduzido e atingindo grandes áreas geográficas. Livros tradicionais ainda são uma tecnologia eficaz: são seguros contra a falsificação, transportáveis e duráveis quanto ao teste do tempo. Todas as formas de livros são uma contribuição valiosa para a educação e para a disseminação da cultura e da informação. A diversidade de livros e o conteúdo editorial são fontes de enriquecimento que nós devemos apoiar, por meio de políticas públicas apropriadas, e proteger contra a uniformidade. Essa “bibliodiversidade” é nossa riqueza comum, que faz dos livros muito mais do que objetos físicos, porque eles são a nossa mais bela invenção para compartilhar ideias além das fronteiras do espaço e do tempo.


UNESCO Office in Brasilia

 

 


 

 

 

Thai manuscript, 19th century © Bavarian State Library in Munich, Germany 


Disponível en linha, em URL: http://www.unesco.org/new/en/unesco/events/prizes-and-celebrations/celebrations/international-days/world-book-and-copyright-day-2013/. Acedido: 22/04/2013

Pág. 1/3