Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos da ESSMO

O importante não é onde chegas, mas o caminho que percorres.

Concurso BiblioFilmes-2010

BiblioFilmes Festival 2010
 

Procura-se:

"Amadores" (de "pessoa que ama") de Livros e Bibliotecas
 

Desafio:

Fazer um filme (também em vídeo ou telemóvel), contar a sua história e provar o quanto gostam da sua Biblioteca e/ou de um Livro(s).

Data: até 16 de Abril de 2010
 

Picture

 

 

BiblioFilmes Festival, iniciando o seu 3º volume, tem o prazer de anunciar que conta com o apoio do Plano Nacional de Leitura.

O BiblioFilmes é um Festival de Cinema e Vídeo de curtas-metragens baseadas em livros e bibliotecas.

Ou seja, para filmes e vídeos que sejam inspirados ou baseados em livros, bibliotecas, literatura, personagens literárias, géneros literários, títulos/situações/citações/aventuras/relações descritas em livros ou na promoção da leitura.

A nossa nova identidade é "BiblioFilmes Festival - Onde os Livros Ganham Vida", constituindo um evento que é dividido em 3 capítulos e aceitará trabalhos nas respectivas categorias:

1. BiblioFilmes: Livros, Bibliotecas, Acção! 2010, o concurso de vídeos através do YouTube. Baseado na 1ª edição do concurso e visando premiar ainda mais BiblioFilmes terá 17 categorias. Sempre com o limite de tempo de 3,14 m, aceitará participações até 16 de Abril)

2. Prémio Trailer de Livros da Língua Portuguesa, a decorrer online para os melhores trailers de livros colocados em sítios de vídeos como o YouTube.

Também poderão participar ao Curta BiblioFilmes e serão aceites participações também até 16 de Abril de 2010.

3. Curta BiblioFilmes: curtas-metragens sobre/inspiradas em livros e bibliotecas, até 30 minutos. Todos podem apresentar seus filmes e vídeos ao festival, desde que sejam baseados em bibliotecas ou obras literárias, incluindo poesia, romances, ficção, não-ficção, bd, etc. (data limite: 16 de Abril)

Podem ver mais informação e os regulamentos de todas as secções clicando nos títulos ou nos botões do lado esquerdo.

 

BiblioFilmes Festival - onde os livros ganham VIDA!

Aqui está mais um concurso interessante.

Apela aos livros e não só.

Prémios Trailer de Livros da Língua Portuguesa

Picture

 

 

Segunda edição da iniciativa Prémios Trailer de Livros para todos os booktrailer já feitos ou que venham a ser produzidos para livros publicados e enviados para o BiblioFilmes Festival.

Os Prémios Trailer de Livros da Língua Portuguesa irão decorrer em suporte online para os melhores trailers de livros colocados em sítios de vídeos como o YouTube e inscritos no concurso.  

Como funciona

Coloquem os trailers no YouTube ou outros sítios de vídeos e enviem o link para bibliofilmesARROBAxaritiPONTOcom. Posteriormente eles serão carregados no blogue e na página internet do concurso e depois o público em geral e o Júri irá vê-los e votar nos seus trailers favoritos, visando escolher os vencedores nas categorias Votação Popular e Votação Júri.
 
Datas
 
Início do concurso- Janeiro de 2010.

Realização e envio dos trailers- até às 16 de Abril de 2010

Período de votações- de 16 de Abril até 22 de Abril de 2010.
 

Como Participar:

a) Para entrar no concurso, devem produzir um trailer de um livro por si publicado, editado ou lido, de até 5 minutos de duração.

b) Depois, devem ir a um sítio de vídeos (exs: YouTube.com, MySpace.com, etc), efectuarem o registo e fazerem o "upload" do vídeo.

c) Posteriormente enviam o link do vídeo para bibliofilmesARROBAxaritiPONTOcomvisando o mesmo ser visionado e colocado na página oficial do concurso (BiblioFilmes.com e no blogue BiblioFilmes.blogspot.com.

d) Todas as participações têm de ser originais.

e) caso seja solicitado ou queira(m) concorrer também ao concurso Curta BiblioFilmes, os concorrentes deverão entregar à organização uma cópia do seu trailer em DVD. 

Para mais informações, acedam ao site:

http://bibliofilmes.weebly.com/preacutemios-trailer-de-livro-2010.html.
 

Participem!

 

Um Novo Consílio divino

 

Num novo consílio, os deuses reúnem-se no altivo Olimpo com o objectivo de decidir o destino das florestas em Portugal.
Sentado está, no seu trono marchetado de diamantes, Júpiter, que inicia a reunião. Começa por introduzir o tema a discutir dizendo:
- As florestas daquela terra Lusitana estão a extinguir-se cada vez mais e se tal continuar a acontecer, não haverá local para os pobres animais viverem e o oxigénio nessas paragens escasseará.
Logo diz Vénus, prontamente, com seu vivo instinto ternurento para com as criaturas deste mundo:
-Não podemos, nós, deuses do grande Olimpo, permitir que isso aconteça; temos que pôr um fim a tais barbaridades!
Baco, que temendo perder o espaço para as preciosas videiras, produtoras do seu precioso invento, disse na sua vez de tomar a palavra:
-Júpiter, meu pai, vós que tudo podeis decidir sem mais nenhum consentimento, por favor, deixai as florestas e as preciosas videiras terem espaço para viver e reproduzir-se, por um mundo mais limpo e mais feliz.
Assim, acabando de falar, logo aceitou sua vez, Marte, deus da guerra, de falar com seu rosto autoritário e ar altivo, com seu corpo ingente e robusto, assim disse:
- Eu, Marte, o que decide as bélicas relações entre os homens, tenho a dizer que também quero o bem das florestas portuguesas pois soldados fortes têm que ter fortes pulmões para gritar e erguer mais alto que o céu o nome de sua Pátria.
Tendo ouvido e considerado todas as opiniões, o Pai dos deuses que governa os Fados humanos, deu por terminada a sessão, aceitando as opiniões, e decidindo salvaguardar as florestas, aspergiu o néctar divino por todos os deuses ali presentes.

 

Henrique Raposo de Carvalho nº 9, 9º Ano Turma A.

Tomar - 850 anos

1 de Março

 

A cidade está de parabéns. Afinal são já 850 anos.

Poderia escrever sobre este aniversário, mas não. Remeto para textos já (bem) escritos por outros, para algumas imagens que dispensam legenda e para sítios da internet onde se poderá deliciar com a História da nossa cidade.

 

 D. Gualdim Pais

 

E que tal, agora, aprofundar, rever, relembrar alguns dos aspectos mais relevantes de TOMAR, desde a sua história ao seu património, passando por  algumas figuras marcantes? Espreitemos alguns sítios da internet da Câmara Municipal de Tomar, IPT e do IGESPAR, entre outros.

 

 

Das gentes de Tomar e das figuras tomarenses que poderia referir, saliento apenas D.Gualdim Pais, o Infante D. Henrique, Santa Iria, Fernando Lopes-Graça, Jácome Ratton, José Augusto França e Nini Ferreira. Ocorrem-me muitas mais. Mas fico por aqui.

 

Por último, faça uma visita (virtual) ao nosso Convento de Cristo, Património Mundial da UNESCO, desde 1983, deixando-se guiar pelo IGESPAR (Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico, do Ministério da Cultura).

 

Tomar

 

Vamos caricaturar...

José Carlos Malato

 

  

José Carlos Malato, personagem de estatura elevada, suporta um abdómen de tamanho suficiente para abalar ligeiramente a economia dos rodízios contemporâneos. O seu problema glandular é ainda realçado pelo imponente jeito de o erguer, acompanhado de uma igualmente forte presença de espírito que anima os serões, em família, a ver televisão.

Tem tal inclinação para a nostalgia que se assemelha aos nossos avós:

-Já fui muito feliz ... no Bairro alto - diz com orgulho enquanto ergue o abdómen como só ele sabe fazer.

É também característica a sua entoação a ler perguntas, que lembram e lembrarão os seus trinta e cinco anos de serviço e de experiência.

 

Autor: Afonso Lopes Kuzer - nº 1 - 9º A

Pág. 1/2